Interbancário pode ser multado por omitir informações ao cvm

Após entrevistar o presidente do Banco Inter, João Menin, ao Valor Econômico, a Comissão de Valores Mobiliários (CVM) enviou ofício solicitando informações sobre os planos de reestruturação de curto prazo da empresa. “Os bancos têm a responsabilidade de garantir a divulgação completa e tempestiva de fatos relevantes em todos os mercados em que esses títulos são permitidos à negociação”.

 

Segundo a carta, que não foi informada da mudança pela agência. , Banco Inter S.A. Relações com Investidores Oficial, a comissão preparou um documento, Solicite notícias ao vivo sobre a notícia no canal do jornal no YouTube. De acordo com a carta, o presidente do Inter, João Vitor Menin.

 

Disse que o projeto de reestruturação societária da agência deve ser retomado “no curto prazo”, o que acabará levando à listagem da nova holding da Nasdaq. A palavra é “provavelmente”. “Na Live do Valor, ele ressaltou que a operação não está isolada, mas em diálogo com outros movimentos de expansão internacional.

 

nota lê. A Seção 3 da Revisão da CVM determina que o Diretor de Relações com Investidores é responsável pelas divulgações e comunicações com a Comissão e, se for o caso, com as entidades sobre transações, eventos no mercado de balcão organizado em que a companhia emite valores mobiliários, ou qualquer conduta relevante relacionada ao seu negócio ou fato.

 

Além disso, a carta deixa claro que deve-se tomar cuidado para garantir a disseminação simultânea ampla e imediata em todos os mercados onde a negociação desses títulos é permitida. O ofício, assinado pela diretora da CVM Nilza Maria Silva de Oliveira, prevê multa de mil reais caso o banco não responda.

 

 

 

 

fonte : olhardigital.com.br

Back To Top